Partilhe

O GP de Abu Dhabi deste fim-de-semana pode ser o último de Jenson Button na Fórmula 1. O britânico vai dar lugar a Stoffel Vandoorne na McLaren em 2017, mas foi deixada em aberto a possibilidade de voltar em 2018. O campeão de 2009 quer terminar bem a época e realça a importância de se conseguir uma boa afinação do monolugar nos treinos para enfrentar as sessões competitivas.

Para Button, “Yas Marina é uma pista técnica, com uma velocidade média relativamente baixa graças às curvas apertadas no último sector, que lhe conferem várias características de um circuito urbano. Tipicamente ultrapassar é difícil aqui, pelo que é importante estar o melhor possível na qualificação e esperar por uma boa partida, sem incidentes”.

Depois das dificuldades sentidas no Brasil, o piloto da McLaren quer o MP4-31 em melhor nível em Abu Dhabi: “Se usarmos o tempo em pista na sexta-feira de forma produtiva, vamos ter a melhor oportunidade de afinar o monolugar para o fim-de-semana. O nosso monolugar tem muito mais potencial, e espero conseguir levá-lo ao limite e dar à equipa e aos adeptos um bom final de ano”, explica.

Os nossos artigos mais recentes