Partilhe

Pela segunda vez em três anos, Nico Rosberg e Lewis Hamilton chegam a Abu Dhabi envolvidos numa tensa luta pelo título. Ao contrário de 2014 e tendo em conta os 12 pontos de vantagem, Nico Rosberg é o claro favorito – mas Hamilton ainda tem várias formas de impedir que o seu colega de equipa vença pela primeira vez o campeonato.

1479742169728Como o gráfico indica, Rosberg parece ter o seu destino sob controlo, sendo a primeira vez que o alemão ocupa essa posição.

A almofada de 12 pontos relativamente a Hamilton faz com que Rosberg possua uma clara vantagem à entrada para o fim de semana, o que significa que o britânico tem apenas uma ténue esperança de negar ao seu colega de equipa o seu primeiro triunfo no campeonato.

Rosberg vencerá o campeonato de 2016 se…

Terminar no pódio em Abu Dhabi (independentemente da posição de Hamilton)
Terminar nos seis primeiros e Hamilton não ganhar
Terminar nos oito primeiros e Hamilton não ser melhor do que terceiro
Hamilton terminar em quarto ou abaixo (independentemente da posição de Rosberg)

Hamilton, portanto, deve terminar dentro dos quatro primeiros para ter qualquer hipótese de arrebatar o campeonato – mas mesmo assim precisará de uma ajuda de Rosberg. Fundamentalmente, as esperanças do britânico podem ser resumidas da seguinte forma:

Hamilton vencerá o campeonato de 2016 se…

Vencer e Rosberg terminar em quarto ou abaixo
Terminar em segundo e Rosberg fora dos seis primeiros
Terminar em terceiro e Rosberg fora dos oito primeiros

Curiosamente, Rosberg tem sido o mais forte no circuito de Yas Marina, ainda que seja Hamilton o detentor do recorde da pista. O britânico alcançou duas poles (2009 e 2012) e duas vitórias (2011 e 2014) em Abu Dhabi – mas Rosberg está na pole há dois anos consecutivos e triunfou na corrida do ano passado.

Na verdade, desde que se tornaram colegas de equipa (em 2013), Hamilton ainda não superou Rosberg na qualificação em Abu Dhabi – e a única vez em que terminou à frente do alemão foi em 2014, quando o Mercedes de Rosberg sofreu um problema com o sistema de recuperação de energia do seu Mercedes.

Os nossos artigos mais recentes