Partilhe

A Toro Rosso confirmou a permanência de Daniil Kvyat na equipa em 2017, pondo assim um ponto final aos rumores que apontavam o russo como o substituto de Nico Hulkenberg na Force India.

A Scuderia baseada em Faenza tem assim o seu alinhamento de pilotos para o próximo ano completo, já que Carlos Sainz também irá continuar na equipa em 2017.

“Temos a certeza de que os jornalistas ficarão satisfeitos por terem perguntas novas a fazer ao Daniil, depois de terem andado meses a questionarem o seu futuro. E para as outras equipas que estavam a rondar a nossa dupla de pilotos, podem “tirar as mãos” daí porque eles ficam connosco.”, referiu a equipa em comunicado oficial.

O piloto russo mostrou-se muito agradado com a extensão do contrato com a Toro Rosso e diz estar ansioso pelo que aí vem:

“Boas notícias! Gostaria de agradecer à Red Bull, ao Dr.Marko e a toda a equipa pelo apoio e fé que depositaram em mim desde que eu regressei à equipa no início do ano. Estou muito satisfeito por continuar numa equipa em que me sinto como em casa. Estou muito ansioso por continuar a trabalhar arduamente em 2017, e estou também com altas ambições para o futuro. Estou encantado!”

Carlos Sainz, que já estava garantido na equipa para o próximo ano, também revelou a sua satisfação em continuar como colega de equipa de Kvyat:

“Tendo em conta a série de mudanças que irão acontecer na Formula 1 em 2017, é bom saber que o Daniil vai continuar a ser meu colega de equipa na Toro Rosso no próxima ano. Conhecemo-nos muito bem pois temos corrido juntos desde 2010, e trabalhamos bem juntos. Eu sei que esta temporada ainda não acabou, mas já estou ansioso pela próxima.”

Franz Tost também se manifestou relativamente à dupla de pilotos da sua equipa para 2017:

“Anunciar os pilotos relativamente cedo faz a diferença. Há tantos elementos novos a entrarem na Formula 1 no geral e na nossa equipa em particular (em termos de um novo fornecedor da unidade motriz) que ter os mesmos dois pilotos nos dá estabilidade e a possibilidade de trabalhar a partir de uma referência.”

“Para o Carlos será o terceiro ano na equipa, o que mostra o quão alto nós o avaliamos. Em corridas recentes, tem sido claro que o Daniil está de volta à sua melhor forma. Sempre lhe disse que o seu futuro connosco estava nas suas mãos e ele elevou a fasquia e obteve um desempenho que lhe permitiu selar o lugar no STR 12 para 2017. Agora temos dois pilotos fortes e talentosos para atacar uma temporada em que esperamos ser muito competitivos.”

Os nossos artigos mais recentes