Partilhe

Quinto lugar na grelha para Filipe Albuquerque nas 6 Horas de Xangai, na classe LMP2. Os colegas de equipa do português, Ricardo González e Bruno Senna, estabeleceram a quinta média da categoria, nesta que foi a penúltima qualificação da época do Mundial de Resistência (WEC).

Apesar de Senna ter sido o mais rápido na sua sessão, González não conseguiu aproveitar devido a um pião: “Ficámos com a certeza que poderia ser melhor”, admitiu Albuquerque depois da qualificação, focando-se agora na corrida.

O piloto de Coimbra espera uma prova difícil em que “a gestão dos pneus terá um papel importante no resultado. A pista é muito abrasiva para as borrachas e quem melhor souber poupar será certamente melhor sucedido. Vamos pensar na estratégia a adoptar mas continuo confiante e determinado em conseguir mais um pódio”.

A Signatech Alpine, principal rival da RGR Sport de Albuquerque, arranca de segundo dos LMP2, atrás da Manor. As 6 Horas de Xangai têm arranque marcado para as 03h00 (hora de Portugal Continental) da próxima madrugada.

Os nossos artigos mais recentes