Partilhe

A G-Drive Racing é campeã das European Le Mans Series (ELMS), assegurando o título com uma vitória incontestável nas 4 Horas do Estoril. A equipa russa assumiu a liderança definitivamente ainda na primeira hora, depois da sua principal rival até então, a Dragonspeed, se ter atrasado com um incidente de Henrik Hedman.

Depois de herdar o carro de Giedo van der Garde, Simon Dolan ganhou uma vantagem importante no comando no fim da primeira hora, já que Henrik Hedman teve um incidente no carro da Dragonspeed, que no início esteve na luta pelo comando.

Na altura, o Gibson da G-Drive liderou na frente do Ligier da Krohn Racing (na altura tripulado por Niklas Jönsson) e da equipa Thiriet, que tinha Pierre Thiriet ao volante. O francês afundou-se na classificação perto do final da segunda hora devido a problemas no seu Oreca, ficando afastado da luta pelo título.

Em segundo ficou o Oreca da Dragonspeed, com Nicolas Lapierre a assumir o último turno de condução para recuperar um lugar de pódio, depois de ter chegado a lutar pelo triunfo na primeira hora. A SMP Racing encerrou o pódio, embora na última hora Stefano Coletti não tenha conseguido manter o segundo posto em que chegou a rodar. O carro da Krohn Racing ficou na quarta posição, perdendo definitivamente a luta pelo pódio devido a um pião nos minutos finais. A Eurasia Motorsport encerrou o top 5.

Um pequeno incidente na terceira hora não impediu a Yvan Muller Racing de ser uma tranquila vencedora nos LMP3 à frente do melhor dos carros da United Autosports. Já Miguel Faísca levou o segundo carro da Eurointernational ao sexto lugar, com a ajuda dos colegas Rik Breukers e Andrea Dromedari. No seu turno, o português ocupou a quinta posição da categoria.

Nos LMGTE a Aston Martin sagrou-se campeã depois de dominar a corrida, superando a AT Racing Ferrari. Os britânicos viram ainda a líder e principal favorita, JMW Motorsports, a ficar de fora da contenda com um acidente no fim da segunda hora, com a formação do Ferrari a ficar no penúltimo lugar da geral. Rui Águas e os seus colegas de equipa encerram a participação no Estoril com o quarto posto dos LMGTE, distantes do pódio.

Classificação completa aqui.

Os nossos artigos mais recentes