Partilhe

Christian Horner está confiante de que a escolha dos pneus supermacios para o início da corrida vai permitir a Max Verstappen e a Daniel Ricciardo colocar pressão nos Mercedes.

Tendo separado as estratégias dos dois pilotos em Austin, desta vez a Red Bull foi pela abordagem tradicional e rodou de supermacios no Q2, enquanto a Mercedes e Vettel escolheram os macios para uma potencial longa série de voltas.

Na terceira fase da sessão de qualificação, os pilotos da Red Bull chegaram a estar à frente de Nico Rosberg mas o alemão respondeu na sua última tentativa e colocou o Mercedes na primeira linha da grelha de partida.

Verstappen e Ricciardo vão assim partir atrás dos Mercedes, na segunda linha, havendo a possibilidade de serem favorecidos pela aderência extra no arranque e, possivelmente, nas primeiras curvas, se os pneus atingirem temperatura mais eficientemente.

“Estivemos muito perto de bater o Nico”, disse Horner. “Mas no final ele tirou uma volta do bolso.”

“Mas estar a apenas alguns décimos da linha da frente aqui, assegurar ambos os carros na segunda linha e estar numa estratégia diferente faz com que as coisas pareçam bem encaminhadas para a corrida de amanhã.

“Discutimos esta manhã e chegamos à conclusão que a nossa melhor oportunidade seria com os supermacios, enquanto que na última corrida isso não era claro.

“”Metemos os dois carros com esse pneus porque acreditamos que é a melhor estratégia para o nosso carro e para a nossa corrida. Eles convergiram no setup e estão bastante satisfeitos com os seus carros. Pelo menos ao fazer isto adicionamos outro elemento à corrida, e estrategicamente vai fazer com que seja mais excitante.”

Os nossos artigos mais recentes