Partilhe

Robert Kubica esteve em bom plano nos testes para estreantes no Mundial de Resistência (WEC), este domingo no Bahrein. O polaco conseguiu marcar tempos competitivos na sua estreia ao volante de um carro de LMP1, ao volante de um carro da ByKolles.

A melhor das 27 voltas do ex-piloto de Fórmula 1 em Sakhir foi completada em 1m47,222s (a menos de quatro segundos do mais rápido dos rookies, Gustavo Menezes). É um registo melhor do que os 1m47,752s conseguidos por Pierre Kaffer na volta mais rápida da equipa durante a etapa barenita do WEC.

Depois da sessão, Kubica confessou à publicação britânica Autosport “que não estava totalmente confortável e houve muito para descobri. Fiz uma volta em 1m47,2s e acho que podia ter sido mais rápido, por isso estou razoavelmente satisfeito”.

Fora dos circuitos desde o acidente num rali em 2011, o piloto leste-europeu quer voltar às pistas e passou os últimos meses à procura de um bom programa. A resistência e as 24 Horas de Le Mans são uma possibilidade: “Le Mans é um evento único e muito atractivo. Mas ir para as provas de resistência seria um novo desafio e teria que adaptar a minha pilotagem”.

Os nossos artigos mais recentes