Partilhe

A M-Sport quer terminar da melhor forma a temporada de 2016 e uma era no Mundial de Ralis (WRC), estando preparada para enfrentar o Rali da Austrália deste fim-de-semana. A equipa britânica conta com Mads Østberg e Éric Camilli para a última ronda da temporada.

O chefe de equipa, Malcolm Wilson, destaca os resultados alcançados pelo actual Ford Fiesta RS WRC: “É o fim de uma era e o Rali da Austrália é um palco fantástico para dizer adeus ao actual carro, que nos trouxe muito sucesso. 50 pódios, três deles monopolizados, é uma conquista fantástica da qual estamos todos muito orgulhosos. Seria óptimo despedirmo-nos em grande de um carro tão bem-sucedido, com um bom resultado”, considera.

Østberg é o mais bem colocado dos pilotos da M-Sport no campeonato, considerando que devido ao facto da prova australiana ser mais tarde do que o habitual “temos que perceber como é que isso afecta as vantagens e desvantagens da ordem de saída. Geralmente é melhor sair mais atrás, mas também há o risco de apanhar pó, o que é muito desafiante. Daremos tudo e queremos sempre ter o melhor resultado possível”.

Para Camilli é uma estreia em que vai ter muito a aprender, reconhecendo também a importância de ter boas notas de ritmo e de “colocar em prática” tudo o que aprendeu com o co-piloto ao longo do último ano. O francês pretende “terminar a época em alta, mas também é importante completar todos os troços e adquirir o máximo de experiência. Vamos abordar um sector selectivo de cada vez e queremos progredir a nossa prestação ao longo da prova”.

Os nossos artigos mais recentes