Partilhe

Felipe Massa revelou a troca de palavras com Fernando Alonso que teve lugar na grelha de partida para o Grande Prémio do México e que serviu para resolver os problemas originários do Grande Prémio anterior, nos Estados Unidos.

A alguns dias do Grande Prémio do Brasil, o piloto da Williams revelou à Fox Sports as palavras impróprias que, de forma “amigável”, dirigiu a Alonso antes do hino mexicano.

“Houve uma discussão no Grande Prémio dos Estados Unidos”, disse Massa. “Depois da corrida eu saí da pista e ele não queria vir comigo, porque sabia que eu estava chateado. Acho que os comissários estavam a dormir nesse dia.

“Na corrida seguinte [México] na altura do hino, os pilotos posicionaram-se lado a lado e o meu lugar era mesmo ao lado dele.

“Cheguei atrasado, fiquei lá e ele olhou para mim com um ar estranho. Depois, dei-lhe um abraço e disse: “És um filho da mãe… mas eu gosto de ti.”

“Depois ele começou a rir-se.”

Massa, que foi colega de equipa de Alonso na Ferrari, sugeriu que a relação entre eles nem sempre foi tão simples como parece.

“Eu não tenho qualquer frustração com ele”, disse Massa de Alonso. “Ele sempre me tratou muito bem quando não estamos dentro do carro.

“Na minha frente ele foi sempre simpático. É verdade que às vezes, nas minhas costas, ele era muito diferente do que quando estava à minha frente.”

Os nossos artigos mais recentes