Partilhe

A Porsche vai arrancar da pole position para as 6 Horas de Xangai, penúltima ronda do Mundial de Resistência (WEC). O carro nº 1 dos alemães bateu o Toyota nº 5. A equipa de Filipe Albuquerque quedou-se pelo quinto posto dos LMP2, enquanto Pedro Lamy arranca da pole position dos LMGTE Am, na frente de Rui Águas.

Brendon Hartley e Mark Webber levaram o melhor Porsche à primeira posição da grelha graças a uma média dos seus tempos em 1m44,462s. Superaram o Toyota de Sébastien Buemi e Kazuki Nakajima por escassos 0,060s, enquanto o melhor dos Audi (nº 8) arranca de terceiro graças à média dos tempos de Oliver Jarvis e Loïc Duval na qualificação.

Numa qualificação muito disputada entre os LMP1, os cinco primeiros são encerrados pelo Toyota nº 6, em quarto, e pelo outro Audi, que ficou com o quinto tempo. Já o segundo Porsche teve uma volta anulada devido ao uso excessivo de combustível, quedando-se pelo sexto lugar – a menos de 0,600s da pole position.

Nos LMP2 Alex Lynn e Matt Rao deram a primeira pole position à Manor, que superou a Signatech Alpine por meros 0,016s. Já a RGR Sport de Filipe Albuquerque ficou com a quinta marca – depois de Bruno Senna fazer o melhor tempo, Ricardo González não foi tão eficaz baixando o tempo médio.

A Ford garantiu os dois primeiros lugares à partida nos LMGTE Pro, com Andy Priaulx e Harry Tincknell a superarem os colegas Stefan Mücke e Olivier Pla. Já o carro de Pedro Lamy levou a melhor sobre o de Rui Águas para ficar com a pole position da classe LMGTE Am.

As 6 Horas de Xangai têm arranque marcado para as 03h00 da próxima madrugada (hora de Portugal Continental).

Resultado completo aqui.

Os nossos artigos mais recentes