Partilhe

O líder do campeonato Nico Rosberg descreveu a volta de Lewis Hamilton na terceira fase da sessão de qualificação para o Grande Prémio do México como “brilhante”, depois de ele próprio ter tido dificuldades na qualificação.

Rosberg não realizou uma volta verdadeiramente rápida durante as sessões de treinos livres e ocupava a quarta posição, atrás dos Red Bulls, antes da última tentativa na Q3.

No entanto, o alemão recuperou na derradeira tentativa e juntou-se ao seu colega de equipa na primeira linha, ainda que tenha ficado a 0.254s do campeão em título.

“A volta do Lewis foi brilhante, a minha nem por isso” disse Rosberg.

“Acabei por conseguir uma volta rápida quando era preciso, e estou relativamente satisfeito com isso, porque me assegurou um lugar na primeira linha.

“Não é uma pole, claro, mas continua a uma boa oportunidade para amanhã.”

Rosberg afirmou que as temperaturas mais frias do que o esperado no Autodromo Hermanos Rodriguez tornaram o carro difícil de guiar, o que fez com que fosse mais complicado sentir-se confortável no decorrer da Q3.

“Sinto-me otimista. Como temos visto este ano, a pole não é tudo no domingo, por isso estou certo de que irão haver oportunidades para tentar ir buscar a vitória.”

Os nossos artigos mais recentes