Partilhe

Poucos ralis do Mundial (WRC) serão tão arriscados como o Rali da Córsega. Aquele que é conhecido como o “Rali das 10 mil curvas”, pela quantidade de curvas apertadas, é um dos que tolera menos erros. Uma saída de estrada é quase sinónimo de abandono.

Não é de estranhar, portanto, que os responsáveis de equipas e os pilotos sejam claros a afirmar que não há margem de erro ou para imprecisões na prova disputada na ilha francesa – sobretudo tendo em conta as pedras e desfiladeiros sem rails que existem ao longo do percurso no Rali da Córsega. Confira neste vídeo os perigos da mítica prova.

Os nossos artigos mais recentes