Partilhe

Sébastien Ogier foi o mais rápido do shakedown para o Rali da Austrália, última etapa da época do Mundial de Ralis (WRC). O francês da Volkswagen completou a melhor das suas três passagens no troço de Boyds Road em 3m01,5s, superando Andreas Mikkelsen.

Os tempos melhoraram gradualmente, com Jari-Matti Latvala na frente após a primeira passagem. Thierry Neuville fez o tempo mais rápido na segunda vez que percorreu os 5,02km antes de ser superado por Ott Tänak, que acabou com o terceiro tempo, e Mikkelsen (segundo).

Ogier, tal como quase todos os pilotos, só chegou à melhor marca pessoal (e da geral) na sua última passagem. O já campeão afirma que “vimos um incrível efeito de limpeza do piso. Pelos nossos cálculos cada carro está 0,2 a 0,3 segundos mais rápido por quilómetro. É sempre difícil aqui, mas durante o reconhecimento muitas pessoas disseram que estava ainda pior do que nos outros anos. Não esperava tanto”.

 

 

Os nossos artigos mais recentes